Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

quinta-feira, fevereiro 15, 2018

Passos Coelho vai ser professor universitário...?
A sério...? Onde...? De quê?
Acho que deve ser afixado em edital para a malta ter o cuidado de evitar.
Foge...
A menos que, qual João Vuvu, vá ensinar a arranjar fundos comunitários para tecnologias de ponta


Li essa notícia mas, como abaixo referi, a net aqui anda a pedal pelo que, na volta, isto é notícia de há dois dias, notícia de carnaval. É que se for para a gente se rir, acho bem a notícia. O Láparo professor universitário...? É de gargalhada, de facto. E seria professor de quê? De contas mal feitas, de orçamentos inconstitucionais, de pôr a economia a descer? De pôr o desemprego a subir? De correr com a malta qualificada do país?

Pois não sei. Ensinar filosofia, acho que não irá. Nunca o vi capaz de filosofar, nem que fosse filosofia de bolso. De poesia também não. Aquilo lá mostrou ser mais calhau que as pedras da calçada. De medicina, muito menos. Não curou uma única maleita do país e, quando tentou, enganou-se na prescrição e nas doses e ia matando os doentes todos. De engenharia também não lhe vejo jeitos. Nunca mostrou ser capaz de química com quem quer que seja; mecânica, civil ou eléctrica então é que nem pouco mais ou menos. De direito olha lá. Aquilo ali ou anda nas franjas da legalidade ou, mal a malta se distrai, já está mesmo com o Constitucional à perna. De cenas de Cultura nem pó. Mostrou que cultura não é bem a praia dele. De canto coral já se viu que também não. Nem o La Feria o aproveitou. De contabilidade claro que também não. Não acertou uma, rectificativos atrás de rectificativos. 

Enfim... 

Só se, com a sua vasta experiência naquela cena da Tecnoforma e adjacências, vai ensinar a malta a sacar umas massas lá dos fundos... Talvez ensinar a arranjar fundos para formação a costureiras? Ou fundos para não sei quê de aeroportos de aldeia? Ou a abrir portas? Lembro-me de ler que o patrão da Tecnoforma gabava muito o Pedro por ser bom a abrir portas. 

Na volta já anda a ter explicações com a fada-madrinha, a Rainha Cavaca, sua indefectível protectora. Aulas de ressabiamento, aulas de paranóia. Por exemplo.

Mas se calhar estou a subvalorizar a criatura. Na volta, capaz de já ter evoluído para tecnologias de ponta e produtos asiáticos. Já estou a ver uma Universidade Privada, coisa como, por exemplo, a UPGRPV, coisa de que ninguém ouviu antes falar, a publicitar:
Inscrevam-se! Inscrevam-se! Últimos dias! Saldo! Saldo! Propinas a um sexto do preço! Venha aproveitar a experiência: Passos Coelho à frente da cátedra de Arranjar Fundos para Tecnologias de Ponta! Aprendeu com o Grande Mestre Dr. João Vuvu! Garantia de qualidade. Inscreva-se! Não perca mais tempo! Venha já!


--------------------------------

Bem.

Caso lhe apeteça ficar in the mood for love ou saber das minhas prosaicas tarefas in heaven, queira, por favor, descer até ao post que se segue.

............................................................................