Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

quarta-feira, abril 11, 2018

Que é feito do egocêntrico trauliteiro que pôs o País inteiro a desejar vê-lo pelas costas...?
Bem... o País inteiro talvez não.
Os do outro lado da 2ª Circular devem estar a esfregar as mãos de contentes.



É um não-problema quando comparado com os verdadeiros problemas. Mas é daqueles um fait-divers que, de tão insólito e estúpido, desperta a atenção até dos mais indiferentes. Dá vontade de parodiar. E dá vontade de pensar: como é que tanta gente supostamente inteligente se deixa levar nas cantigas de uma criatura tão bacoca e ordinária a ponto de votarem nele e, mesmo depois de verem do que a casa gasta, continuarem a apoiá-lo?

Sei a resposta que costumam dar: a situação financeira do clube melhorou e tal e coisa.

Não me parece razão: um troglodita daqueles não deve ser desculpado de modo algum. 

Mas essa da coisa financeira por acaso ainda gostava de perceber. Seja o que for que tenha acontecido não foi, de certeza, obra dele. Tem lá um bom director financeiro? Talvez. Não faço ideia. Mas, para além da gestão da coisa, há aquilo daquele sujeito de aspecto sinistro que já lá meteu não sei quantos milhões. 20 milhões aqui e mais 20 milhões ali. A troco de quê? Como? Em que condições? E não me venham com milagres: uma nova emissão obrigacionista para conseguirem fazer face ao serviço da dívida e mais não sei o quê...? Dívida para pagar dívida. Nada de mais. Business as usual. Mas , então, aquilo, afinal, não está a nadar em dinheiro...? 

Ok. Estamos falados. Um dia destes ainda vamos saber afinal como é que é.

Entretanto, agora que parece que apagou a conta do Facebook (terá mesmo...?), deve estar a expressar o seu doentio egocentrismo de outra forma qualquer. Quiçá a pintar o seu auto-retrato.


.........................................

Ilustrações de Marco Melgrati