Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

sábado, junho 20, 2015

Aquele cujo comportamento desacertado provoca a própria punição


A vaga negra que, volta não volta, apaga a minha luz, está apagando também, palavra por palavra, os conselhos que me dão.

Quanto dura um conselho? Melhor: quanto dura a observância do melhor conselho que podemos receber?

A desesperança é o outro inquilino da minha alma e, de vez em quando, tenho que conversar com ela.

Não, não é bem Deus e o diabo a confrontarem-se dentro de mim. São o s irmãos Karamazov, quando Ivan pergunta a Aleksei: se Deus não existisse e a religião fosse extinta de todas as formas, tudo seria permitido?

Nem sequer posso, na minha pequenez, atrever-me a uma resposta. Não sei o que aconteceria, porque cheguei a esta idade sem nunca ninguém me ter dito se sou ou não mortal.

Mas aprendi hoje que o nome Karamazov significa literalmente 'aquele cujo comportamento desacertado provoca a própria punição'.

Alto, estão a falar de mim.


[Estoril, terça-feira 18 de Março de 2014]


Excerto de Só se morre uma vez - Diário 2, um novo livro de Rita Ferro. Leitura corrida: escrita ritmada, sinceridade à flor da pele. Um livro que se lê de gosto do princípio ao fim.


----

O vídeo não tem a ver com este livro mas gostei de a ver aqui a falar do seu acto de escrever.


..

Sem comentários: