Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

terça-feira, janeiro 27, 2015

Quais as vossas posições sexuais preferidas? [E calma! Não sou eu a perguntar-vos que eu cá não sou de intrigas. É o realizador de um vídeo a perguntar aos pais]


Depois de já ter estado quase num pranto com os momentos finais do episódio do Borgen de hoje por causa daquela cena do Kasper Juul cá fora enquanto a Katrine descobria o seu segredo, fiquei mesmo a precisar de me rir. Bolas que está série é mesmo do caraças.

E, pronto, já me ri. O realizador de um pequeno vídeo pergunta aos pais, casados há 36 anos, quais as posições sexuais preferidas. 

A surpresa dos pais, as gargalhadas da mãe e o riso mais moderado do pai são contagiantes. Ora vejam e, de caminho, quem sabe não aprendem alguma coisita.


Sexy Charades: Genie & Ralph



Uma graça.

....

2 comentários:

Anónimo disse...

Num livro que possuo lá por casa, menciona-se que, embora os antigos egípcios já conhecessem e praticassem as mais diversas posições para o coito, como nos dias de hoje, aparentemente, as que mais utilizavam era as da “posição de missionário” clássica (mulher deitada e homem por cima) e a da penetração “a tergo” (ou seja, por detrás). Em locais mais expostos, como no campo, ou em casas mais pobres, a posição de pé era a preferida para evitar encontros com animais venenosos, como escorpiões, ou cobras, abundantes à época. As mulheres egípcias apreciavam ser “acometidas” na posição de missionário, para verem o rosto dos seus amantes.
Um dia, numa tertúlia de amigos, num desses jantares de fim-de-semana, um dos convivas, a propósito de um tema semelhante, contou que uns amigos dele, japoneses, praticavam o “estilo ventoinha”, que não vou aqui explicar, mas se depreende.
Recordo-me quando era rapaz novo, de um dia um amigo nosso, um pouco mais velho, nos ter contado (num grupo restricto de amigos) que tinha conhecido uma rapariga algarvia e que, chegado o momento do acto sexual, se colocava de imediato na tal posição “a tergo”, o que lhe baralhava a cabeça. A explicação que ela lhe dera, segundo nos contou, muito admirada pelo espanto dele, era que o anterior namorado e pelos vistos primeiro, era um soldado da GNR, que assim gostava de manter relações sexuais com ela (vá lá saber-se ou associar-se a quê!).
P.Rufino


Anónimo disse...

UJM! Antes de chorar por causa da série Borgen, coloque um aviso "SPOILERS ALERT!", por favor! Acabei ontem o último episódio da 1ª temporada, por isso, vou um bocadinho atrasada... :)

Aqui há dias dizia que a PM da série tinha um maridão... Bela mariazinha amuada ele me saiu! Ao fim de 3 ou 4 meses já só sabia andar com cara de enfado!

Boa 3ª feira, UJM!
JV