Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

sexta-feira, agosto 08, 2014

Michelle Jenneke, a atleta sexy em quem todos os olhares se focam - Mulheres com ar de miúdas traquinas mas que parece que têm o diabo no corpo


Depois de, no post a seguir a este, vos ter mostrado Cara, a menina marota que tem uma mulher ardente no corpo, agora mostro-vos Michelle Jenneke, a atleta astrauliana de 21 anos cujo aquecimento deixa concorrentes e espectadores de olhos em bico.  


Ela dança, ela desafia, ela brinca. Depois, qual égua solta, lança-se como se um prado apetitoso a esperasse. Corre mas, depois da dança iniciática, mais parece que desfila, seduz, desconcerta.

As outras concorrentes, profissionais e sérias, olham-na de lado mas ela ri e não se distrai dos seus propósitos: divertir-se à grande.

Claro que a indústria de moda imediatamente se deu conta da graça do avião e, de imediato, convites para fotografia de moda começaram a surgir. 

Por enquanto a coisa fica-se pela lingerie mas promete ir longe: leio na wikipedia que os sonhos são de ordem mais prática.

She is studying mechatronics at Sydney University, a combination of mechanical and electrical engineering


E eu penso: lá está, mecânica e electricidade, é disso que o corpo dela parece tomado quando se prepara para o ataque.



Michelle Jenneke dancing sexy as hell 

(at Junior World Championships in Barcelona 2012)




_

Relembro: abaixo há outra jovem que, tal como esta, tem o diabo no corpo.

..

1 comentário:

Anónimo disse...

O que eu admiro nesta jovem atleta é a descontração dela e boa disposição (boa onda) antes da prova, ao contrário das outras concorrentes. Há ali uma autoconfiança "qb" que arrasa com as adversárias. E, depois, sendo bonita e feminina só podia ser um sucesso. Mas, há que retirar uma lição desta Michelle, ter autoconfiança não implica necessariamente arrogância. Vai longe na vida com esta postura. E assim é que é. Ser competente no que se faz e descontraída. Admiro pessoas assim.
P.Rufino