Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

domingo, novembro 08, 2015

Dizem-me que ou sou lésbica ou bissexual - e eu não sabia


Gigi Hadid, uma das modelos mais sexy da actualidade (apesar das formas generosas)


No post abaixo disse que falaria nesta revelação. Não é uma questão de sair ou não do armário, é mesmo uma questão mais perturbante.

Acho que já uma vez aqui o contei: uma vez um homem disse de mim que eu era a mulher mais mulher que ele tinha conhecido. E eu fiquei contente porque, de facto, me sinto muito mulher. Não é que as lésbicas ou bissexuais não o sejam mas tenho esta ideia (na volta uma ideia peregrina) de que uma mulher muito mulher gosta mesmo é de homens. Eu gosto. Não tenho ideia de alguma vez ter sentido atracção por uma mulher. 

Mas eis que um tal Dr. Gerulf Rieger do Departamento de Psicologia da Universidade de Essex conduziu um estudo que incluiu 345 mulheres e concluiu que todas reagem animadamente a estímulos femininos, embora algumas também a masculinos - e, vai daí, conclui que não há mulheres completamente hetero, são todas homo ou sexualmente fluidas.

Depois vi que isto foi medido a partir da dilatação das pupilas aquando da visualização de vídeos em que apareciam homens ou mulheres nus.

Conclui ainda que as mulheres que abrem o olho quando vêem uma mulher nua parecem mulheres normais, ou seja, não se vestem forçosamente como se fossem sapatonas assumidamente empedernidas.

Pasmo com este raciocínio primário por parte de um doutor cientista. Só por isto já me apetece dizer que o tipo deve ser mas é parvo.

Pois eu, cá para mim, acho que quando uma mulher vê outra nua ou em lingerie, olha-a com atenção (mesmo que subrepticiamente) para ver se ela está mesmo bem, para ver se tem defeito, para ver se há razão para invejinha, para ver a marca da roupa interior, coisa assim - ou seja, não forçosamente porque quer alguma coisa de mais.

E agora vou ver um vídeo com a bela Gisele Bündchen numa sessão sexy e logo a seguir vou ali ver ao espelho se estou com a pupila toda aberta.


GQ - Gisele Bündchen (Julho 2008)

 
...

Olha: os olhinhos bem normais. Devo ser a excepção.
....

E, como excepções há poucas, devem ser vocês, Caras Leitoras, que encaixam no estudo. .. :)
Seja como for, está tudo certo, que o Um Jeito Manso é um blog amigo de toda a gente que venha por bem. Tão simples quanto isto.


Sem comentários: