Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

domingo, março 01, 2015

Homem nu é visto a descer por um lençol de uma janela do Palácio de Buckingham. Uma fuga aparatosa ou uma encenação macaca? A família real não comenta.


Depois das três anedotas mais abaixo (a do comestível Sr. Pereira, a do gato esfolado e a da não contribuição para a Segurança Social por parte do láparo), eis a quarta.

O vídeo está a tornar-se viral, os jornais especulam: é real ou falso?

Mas, confesso, não percebo a pergunta. O homem que desce por um lençol a partir de uma janela do palácio é um homem a sério, o palácio de Buckingham é mesmo o palácio de Buckingham, que o homem dá uma queda valente também parece que sim. Por isso, verdadeiro aquilo é. Agora pode ser o anúncio de um filme...? O homem um duplo? Ou será mesmo alguém apanhado com as calças na mão? Não se sabe. 



Mas tem graça.

Já andaram pelos hospitais a tentar saber se deu entrada algum homem nu, só com uma meia, que mostre ter caído de uma altura razoável - e parece que não. A família real também não se pronuncia.

E eu não sei que mais diga a não ser que me parece extraordinário e que gostava que acontecesse uma coisa assim cá no burgo. Um homem a nu a descer o muro do Palácio de Belém, depois a correr à frente dos pastéis de Belém, a entrar esbaforido pelo CCB. Gostava. 

Mas aqui, nesta piolheira, nunca acontece nada que tenha graça. Um presidente que parece uma múmia e que, quando abre a boca, é para nos indispor, uma ministra que encarnou no corpo de uma caniche, um primeiro-ministro que não desconta para a segurança social, isto depois de ter andado por ongs e tecnoformas e de ter como principal mérito abrir todas as portas, outro que dá cabo dos hospitais, outro que dá cabo do ensino, outro que se entretém a saltar em cima de linhas vermelhas e a dizer brincalhotices, outra que dá cabo dos tribunais, outro que vai ao parlamento parecendo que está com os copos. E é capaz de haver mais uns quantos tristes. Engraçado mesmo só me lembro do saudoso vai-estudar-ó-relvas mas até esse se fartou da piolheira.



...

Já agora: sigam, por favor, para as três anedotas já abaixo.

..

1 comentário:

Rosa Pinto disse...

Ele era Charlie.....