Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

domingo, dezembro 07, 2014

Quase humanos? ... Não: superiores aos humanos.


No post a seguir fala-se do grande corruptor, personagem que tem tal falta de jeito que não apenas desperta a perplexidade como a vontade de rir. A entrada é pela Porta dos Fundos como convém nestes assuntos.

Mas isso é a seguir. Aqui, agora, a conversa é outra.

Leitora a quem muito agradeço enviou-me referência a um vídeo tocante. Vê-se e não é possível ficar-se indiferente. Somos tão insensíveis, tão pouco sábios, nós. Somos básicos, uma má raça. Quando vejo a inteligência e os sentimentos profundos, ancestrais, que residem dentro dos outros animais, sinto que somos das espécies mais broncas que existem à superfície do planeta.

Aqui vemos a reacção respeitosa, amorosa, de um conjunto de elefantes perante as ossadas de um antecessor.

Elephants discover an ancestor's bones 




Depois de ter visto este vídeo, tive vontade de mergulhar mais no mundo verdadeiro em que não há gente mesquinha fazendo mal aos outros, gente hipócrita, cínica ou simplesmente estúpida que dá cabo da vida de tanta gente e que depois ainda tem a enorme lata de se arrogar o mérito de ter feito alguma coisa de jeito, gente que faz da politiquice barata um modo de vida (vi há pouco o fedelho do Marques Mendes e já quase me causa repugnância ouvir todos aqueles rodriguinho-aparelhísticos), gente vulgar que se alimenta de lançar lama ou espuma para cima dos outros ou dos acontecimentos, gente que nem para entestar com as feras tem categoria.

Assim, também da BBC, partilho convosco outro vídeo que descobri, uma súmula de momentos que mostram que o planeta é tão ou mais deles do que nosso. Eles não o estragam, eles respeitam-se e protegem-se. Nós não, nós somos cobardes, mesquinhos, irracionais.

Poderia dizer que eles são quase humanos mas isso seria diminuir os animais. Digo antes que eles são superiores aos humanos.


The best of Planet Earth Live





...

2 comentários:

Anónimo disse...

Espantosos estes documentários do Planet of Earth. Conhecia este dos elefantes, mas é sempre comovente rever.
Não vi o anão venenoso. Um raio que o parta.
Mas, isto vai mal.
Oiço o Basílio de Sintra a dizer umas bacoradas, como a de o PS de coligar com o CDS (quem pode alguma vez confiar num manholas como o Portas, o mesmo que aceitou o corte dos feriados e agora demagogicamente vem propor a reposição de apenas um, o 1º de Dezembro, esquecendo-se do 5 de Outubro e dos outros da tal Igreja que ele se diz próximo, batendo com a mãozita no peito?).
E outros, creio que o Assis, tal como o Angelo Correia, abjecto, a defender um acordo PS/PSD. Depois de terem destruido país, como poderia o PS/Costa coligar-se com estes 2 trastes imundos, PSD/CDS?Espero bem que o Costa os mande levar no...
P.Rufino

Izzy disse...

Partilho da sua opinião, os animais são superiores aos humanos. Temos muito a aprender com eles.
Comovo-me sempre muito quando vejo elefantes, não sei porquê mas acho que eles são muito sensitivos e sabem o que se passa neste planeta.
Precisamos da força e destreza dos felinos selvagens para enfrentar os cobardes... os tais das politiquices.