Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

terça-feira, abril 15, 2014

Eu gosto de homens dotados, que hei-de eu fazer...?


Os meus Leitores que vêm aqui em busca de qualquer coisa que se aproveite, uma prosa suculenta, umas tiradas bucólico-líricas, uma receita de coelho à caçadora, uma tareia verbal bem assestada nos auto-proclamados pinóquios e outras aberrações que se exprimem torpedeando uma língua que de tão morta já não pode rebelar-se, ou bailados russos ou pintura renascentista... hoje não estão com muita sorte. Aliás, raramente têm sorte. Melhor: será que alguma vez a tiveram? 

Estou a fazer-me de modesta? Talvez. Faz parte do minhas tácticas. Quando quero fazer género, faço-me de falsa modesta. Depois confesso que era brincadeirinha.

A sério: não estou nem deixo de estar a fazer nem sei o quê, estou simplesmente a ver se limpo a minha barra para a minha escolha de que vos vou falar antes de ir para a cama - e nada de pensamentos ínvios, nada de relacionar o que aí vem com cama, que não tem nada a ver, para além de que eu sou muito certinha.

Ainda mais a sério: se vos apetece mais coelho a sair da cartola, pinóquias desavergonhadas, a minha mãe que não queria ir votar, ou um galã a tirar uma senhora com idade para ser mãe dele para dançar, ou um casal num momento pós-íntimo ou, ainda, duas mulheres a trocarem olhares muito cúmplices, então, por favor, desçam um pouco mais. Já a seguir à visão que se segue há disso tudo.

Mas agora aqui é tempo para a arte a sério. Annie Leibovitz vê mais através da sua lente do que todos nós de olhos bem abertos. E foi assim que ela viu uma cobra gigante, mas que cobra senhores, a sair das calças do Neil Patrick Harris. Uma coisa, senhores, uma coisa.


É que a ela ainda pagam para números destes (neste caso foi, uma vez mais, a Vanity Fair). Ora, em vez de me andar a moer a aturar chatos, eu não estaria melhor a fazer o mesmo que a Leibovitz? Escolhia aí uns jeitosos, pedia-lhes que fizessem um número como este e depois ia tirando umas fotografias. Até para ver a valentia deles.


Assim de repente, estou a lembrar-me do João Ferreira, aquele giraço do PCP para as Europeias, ou o Galamba, o João, que há para aí outro que não tem nada a ver. Com o pretexto das eleições, desafiava-os a mostrar a sua valentia, ora vamos lá a fazer o número da jibóia...! Dava cá um calendário que não vos digo nada. Melhor que o dos bombeiros de Setúbal.

Ora vejam e digam-me lá se eu não devia era ir fotografar algumas beldades nestes preparos. E não é uma jibóia que lhe está  a sair das calças: são duas. Uma boa e uma píton. Boa aqui não é adjectivo - cuidado com a língua portuguesa - boa aqui é jibóia mesmo, um certo tipo delas.




Vendo melhor, só uma é que vem do bas fond, a outra já amarinhou por ele acima. Mas não pensem que eu sou superficial, que só penso em corpos e coisa e tal. Não senhor. Quando disse lá em cima que gosto de homens dotados, é porque o rapaz é mesmo bem dotado.

Ora confiram, por favor, a fantástica actuação de Neil Patrick Harris nos Tony Award 2013 no Radio City Music Hall. Dotado, dotadíssimo. Não desistam nos primeiros minutos porque o melhor vem a seguir.







Muito bom, este rapaz.


*

Relembro: sobre a falta de vergonha de quem nos (des)governa, sobre os psicopatas no meio de nós (com direito a reportagem sobre o tema), sobre um sedutor que encanta por onde passa, sobre duas mulheres que não sei o que são uma à outra mas que parecem ter bom gosto, e sobre sei lá mais o quê, é ir descendo. 

*

E, assim sendo, por agora já chega. 
Vou então para a cama e a ver se não sonho com uma daquelas jibóias. 

Desejo-vos, meus Caros Leitores, uma bela terça feira.

Já agora um aviso: aos meus Leitores que ficaram bem impressionados com a fotografia e estão com vontade de de reproduzir o número, aviso que a coisa é capaz de envolver alguns riscos.



4 comentários:

Bob Marley disse...

para quem gosta de tomate e tem família numerosa - http://www.youtube.com/watch?v=CTK0mpniqPw#t=46

Bob Marley disse...

se esfregar um olho, hoje não vê (Formula 1 Pit Stops 1950 & Today)- http://www.youtube.com/watch?v=RRy_73ivcms

Bob Marley disse...

JÁ PAGAMOS 4.5 MIL MILHÕES MAS NÃO PODEMOS SABER OS TERMOS DO CONTRATO, PORQUE DIZ O ANIMAL, QUE NÃO É PARA REALIZAR DESPESA MAS GERAR RECEITA, E SE FOSSE PARA REALIZAR DESPESA TEMOS O MUI FAMOSO AJUSTE DIRECTO - http://sol.sapo.pt/inicio/Sociedade/Interior.aspx?content_id=103629

Anónimo disse...

Uma mulher tinha acabado de começar a sua ronda de golfe quando foi picada por uma abelha. A dor era tanta que decidiu regressar ao ‘clubhouse’ para pedir ajuda e reclamar.
O ‘Pro’ viu-a entrar e perguntou:
- De regresso tão rápido? O que aconteceu?
- Fui picada por uma abelha, disse ela.
- Onde? perguntou ele.
- Entre o 1º e 2º buraco, respondeu
Ele abanou a cabeça e disse…
- Tinha os pés muito afastados.