Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

sexta-feira, agosto 21, 2015

O dia em que o pénis pediu um aumento


A pedido de uma pessoa que me disse que gostava que eu hoje colocasse aqui uma coisa divertida, aqui deixo uma história em língua inglesa que Leitor, a quem agradeço, me enviou dizendo-me que era um bocado forte mas que, enfim, em inglês sempre disfarçava.

Ora bem, acho que é divertida qb e que, em português é que a gente se entende.

Portanto, cá vai - e quem achar que isto é impróprio para conversa de salão que, pois então, me desculpe e passe à frente que, quando acabar isto, logo vejo sobre que tema mais adequado a meninas bem comportadas me hei-de debruçar.
....


Cara Senhora Administradora,

Eu, o Pénis, venho por esta via solicitar um aumento no meu salário pelas seguintes razões:
  • Pratico trabalho físico
  • Trabalho a grande profundidade
  • Mergulho de cabeça em tudo o que me meto
  • Não folgo ao fim de semana nem nas férias
  • Trabalho num ambiente húmido
  • Trabalho num lugar escuro e pouco ventilado
  • Trabalho em altas temperaturas
  • O meu trabalho expõe-me a doenças contagiosas.
Sinceramente,

P. Nis
<<<>>>

Resposta da patroa do pénis

Caro Pénis,

Depois de analisar a sua solicitação e considerando aos argumentos que levantou, a administração rejeita o seu pedido com base nas seguintes razões:
  • Você não trabalha 8 horas de seguida
  • Você deixa-se dormir depois de breves períodos de trabalho
  • Nem sempre obedece às ordens da equipa de gestão. Não se mantém na área de trabalho que lhe foi destinada e é visto frequentemente visitando outros lugares
  •  Não toma a iniciativa - tem que ser pressionado e estimulado para começar a trabalhar
  • Deixa o seu lugar de trabalho bastante bagunçado no fim do seu turno
  • Nem sempre segue as regras de segurança como, por exemplo, usar vestuário de protecção
  • Pelo andar da carruagem, acho que vai querer reformar-se ainda antes de fazer 65 anos
  • Você é incapaz de fazer dois turnos de seguida
  •  Ás vezes abandona o local de trabalho antes de ter desempenhado a tarefa que era suposto
  • E, como se isto tudo não fosse suficiente, tem sido visto a entrar e a sair do local de trabalho transportando dois sacos de aspecto muito suspeito.
Sinceramente,

V. Gina



....

Alerta

A canção que se segue, o Pito Mau do Quim Barreiros, parece-me uma canção inocente, bucólica, retratando a vida no campo. Mas, seja como for, aqui deixo o alerta: talvez seja prudente passarem à frente não vá eu ter percebido mal a coisa e, afinal, isto não ser sobre piu-pius e produtos hortícolas..

...

Até já.

2 comentários:

Rosa Pinto disse...

Ahahah.
Lembrei - para aí com 10 / 11 anos (eu e mais duas) conseguimos um folheto que passava de mão em mão. Deixo só o título "Dr Alisando Cresce" - sabiamos que tinha malandrice mas era ler e sem perceber muito bem!! Haja inocência.

Anónimo disse...

Ai... matei-me s rir UJM :-)
Lurdes