Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

quarta-feira, junho 03, 2015

Quanto maior a altura, maior o trambolhão


Depois de, no post abaixo, ter um sábio ensinamento de economia que, a propósito, resolvi rematar com um nosso queridíssimo badocha cambaleante, aqui continuo na mesmo comprimento de onda e mostro uma compilação de momentos em que umas elegantésimas não se aguentam nas canetas. Pois, coitadas, o estranho é que consigam alguma vez aguentar-se. 



Em tempos que já lá vão, eu também me encavalitava em saltos de agulha, altésimos, e, estranhamente, até conseguia andar a direito em cima deles. O diabo era andar na calçada portuguesa, os tacões sempre lá presos, um perigo, mas, tirando isso, andava o dia inteiro lá em cima e na maior. 




Custava-me era andar de saltos rasos. Quando calçava sapatos mais baixos, sentia-me desengonçada, desengraçada, pequenina, e os meus filhos - bem mais altos que eu, especialmente ele que passa do metro e oitenta - gozavam comigo, chamavam-me lilliput. Não podia ser, portanto. Parece que só me sentia confiante e poderosa se estivesse montada nuns sapatos que me elevassem aos píncaros.

Agora já me deixei disso: saltos altos, sim, claro, mas nada de exageros nem na altura nem na finura. E, ao fim de semana, é normal usar sabrinas, sem salto, claro. E sinto-me bem. É, pois, tudo, uma questão de hábito.

Contudo, volta e meia, vejo a minha bonequinha mais linda de roda dessas relíquias e, às tantas, aparece-me em cima deles. Gosta especialmente de uns de camurça rendilhada em amarelo torrado, levemente abertos à frente, com uns saltos que nem imagino que altura terão. E aguenta-se bem em cima deles, a minha bela pequena coquette (que também adora maquilhar-se, pintar as unhas, ter roupa e sapatos com brilhantes.




Pois bem, Leitor a quem agradeço, enviou-me esta compilação de quedas e eu, sentindo que não é coisa bonita a gente rir-se dos desaires dos outros, aqui a divulgo.


Top Models Fail Compilation 

- tadinhas das miúdas.


..

E, se vou aprouver, desçam até ao post seguinte (mas, please, sem cair)

..

Sem comentários: