Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

Actualidade, livros, árvores, amores, ficções, memórias, maluquices, provocações, desatinos, brinca

sábado, março 21, 2015

O que é a beleza masculina? É universal? E é isso importante ou não para uma mulher? - Independentemente das respostas, mostro uma selecção de homens que, ao que parece, obedecem aos standards da beleza masculina em 12 países


O meu filho enviou-me por mail um link que dizia 'o teu tipo de artigo'. Pensei: política, literatura, arte. Mas eis que nada disso: os standards de beleza masculina. Está certo. A minha fama precede-me, mesmo junto dos meus. Nada a fazer.

Ainda me lembro de uma vez em que disse que achava o Bruno Alves (jogador que era do Porto) um exemplar perfeito e que ele se desiludiu todo: 'Oh mãe... um sarrafeiro!'. Pois, que hei-de eu fazer?

Aliás, sobre o que gosto e não gosto nos homens - e não apenas a nível físico - já me pronunciei várias vezes. Diria mesmo que já estabeleci um verdadeiro caderno de encargos.

Quem esteja interessado, pode ver aqui:

Este Padre é um homem
que eu acho que tem mesmo muita pinta.
Mas, enfim, como mulher tenho que tirar daqui o sentido

No meio de tudo o que acho fundamental num homem, claro que o aspecto físico é importante.

Aliás, apaixonei-me pelo que viria a ser meu marido só de o ver, por o achar um belo borracho (na altura dizia-se assim). Era (e é) bonito, tinha (e tem) um belo corpo, tinha um ar de desportista que me agradava, e, ainda por cima, tinha um ar que era um misto de Jesus e de guerrilheiro. Portanto, foi olhar para ele - e ser olhada por ele - e, pimbas, tiro e queda. Apenas mais tarde tive oportunidade de tirar a limpo o resto dos atributos. E aí, logo às primeiras, quando lhe disse que namorava firme (com outro, claro) e que, portanto, ele não estivesse com ideias, respondeu-me com ar indiferente que não se importava, que não era ciumento. Pronto. Fatal. Fartei-me de rir, ou seja, ainda mais graça lhe achei. Portanto, o começo foi auspicioso.

Mas, claro, que o aspecto físico não é o mais importante - até porque o aspecto físico muda ao longo dos tempos: há quem melhor e quem piore. Portanto, a coisa tem que ter raízes mais profundas.

Este Varoufakis tem também um quelque chose
e deve ser isso que encanita tanto os colegas

Vem tudo isto a propósito do tal artigo que o meu filho me enviou.

O artigo contém um vídeo onde se mostra qual o tipo físico mais apreciado pelas mulheres de vários países. Fizeram um casting internacional para identificar os vários espécimes. Em Itália é uma coisa, no Brasil é outra, na Turquia, na Austrália, tudo diferente. E, pasme-se, começam a estar na moda as cirurgias plásticas para homens. Ainda os haveremos de ver todos repuxados, beiços inflados, mal se podendo rir, estalando botox por tudo o que é poro.

Estive a ver com atenção e nem sei bem em qual votaria mas estou tentada a dizer que seria no da Nigéria, bem giro e ainda muito au naturel. Seguramente não no do Brasil, muito aparadinho, muito trabalhadinho, muito cristianinho, todos com muita mão de obra em cima o que, a meus olhos, os desvalorizam. O da Coreia, então, é cá uma coisinha, credo, que mariazinha. Mas, enfim, gostos não se discutem. 


Men's Standards Of Beauty Around The World 



....

1 comentário:

Rosa Pinto disse...

Boa noite.
Meninas fiquem com eles todos.
Eu escolho o Hugh Grant (ele é que não me escolhe a mim).
Pronto...vou ver o Notting Hill....